Portal 6

Justiça toma decisão após Victor Junqueira descumprir medida protetiva

(Foto: Divulgação/ Rotary Club)

Filho de ex-prefeito de Anápolis, ele ficou conhecido nacionalmente depois de ser flagrado agredindo a ex-namorada

A juíza Leila Cristina Ferreira determinou nesta terça-feira (26) que o piloto e filho do ex-prefeito de Anápolis Eurípedes Junqueira, Victor Augusto Junqueira Amaral, de 24 anos, terá de fazer uso de tornozeleira eletrônica.

Flagrado agredindo a ex-namorada e advogada Luciana Sinzimbra no ano passado, a decisão foi tomada após a vítima alegar que o jovem teria ignorado as determinações da Justiça ao tentar contato com ela.

A medida protetiva o obriga a se manter, no mínimo, a 300 metros de distância de Luciana. Conforme a advogada denunciou ao O Popular, as tentativas de falar com ela incluíram ligação telefônica e ocorreram durante a madrugada.

“[Victor] apagou a mensagem e eu não consegui ver a tempo o que era, mas apareceu a foto dele no perfil no perfil do contato”, detalhou.

A defesa do piloto afirmou que vai recorrer e disse também que foi a mãe dele que usou o celular, sem consentimento, para fazer a ligação. Por isso, Victor teria decidido mandar uma mensagem para explicar o que havia acontecido.

Apesar de não ter pedido a prisão preventiva, a magistrada ordenou ainda que a vítima receba um “botão antipânico” e o piloto pague R$7 mil todas as vezes que tentar contato com ela por meio de ligação, mensagem ou e-mail.

Victor Junqueira já está saindo de casa e teria tentado falar com Luciana Sinzimbra

Quer comentar?

Comentários




Nosso Twitter



Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.