PublicidadePublicidade

Invadiu culto em Anápolis, matou jovem por vingança e agora está atrás das grades

Prisão foi expedida pela 3ª Vara Criminal e cumprida por agentes do GIH

Da Redação -

David Bruno de Lima, de 25 anos, já está hospedado no Centro de Inserção Social Monsenhor Luiz Ilc, a cadeia pública de Anápolis, e lá pode permanecer até o dia do julgamento.

Preso na tarde desta quarta-feira (08) por agentes do Grupo de Investigações de Homicídios (GIH), ele confessou ter matado Cléber Silva de Oliveira, de 28 anos, no final de janeiro de 2014.

David invadiu um culto evangélico e atirou várias vezes contra a vítima. Ele alegou ter matado a vítima por vingança, devido a ‘uma maldade que Cléber teria feito contra uma tia’.

A prisão  preventiva foi expedida pela 3ª Vara Criminal devido às ausências de David nas audiências de instrução do processo.

PublicidadePublicidade

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade