PublicidadePublicidade

Esposa “tenta” ajudar, mas açougueiro de Anápolis agora pode ficar 15 anos preso

Desculpa para justificar o olho roxo dela não convenceu a Polícia Militar

Da Redação -

O açougueiro Emerson Diego dos Santos, de 29 anos, foi hospedado na manhã desta quinta-feira (08) no Centro de Inserção Social Monsenhor Luiz Ilc, a cadeia pública de Anápolis.

No início da tarde de ontem (07), ele havia preso em flagrante após a Polícia Militar encontrar várias porções de cocaína dentro de um ferro de passar roupas.

No entanto, os agentes da Lei tinham ido ao local por outro motivo. Uma denúncia anônima sustentava que a esposa de Emerson, que tem 20 anos, havia sido agredida fisicamente por ele.

No local, ao receber os policiais, a mulher negou ter apanhado do marido e justificou que estava com o olho roxo devido à uma brincadeira dela com as filhas do esposo.

A droga foi encontrada pelo militares, que entraram na residência, no Residencial das Flores, região Nordeste da cidade, com o consentimento da proprietária.

Além do pó, também foram encontrados quase R$ 3 mil em espécie na residência.

Emerson, ao chegar em casa, recebeu voz de prisão e foi levado, juntamente com a companheira, para a Central de Flagrantes.

Se condenado, ele pode pegar de cinco a 15 anos de reclusão, pelo crime de tráfico de drogas.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade