PublicidadePublicidade

Bolsonaro estará em Anápolis para receber um dos aviões mais potentes do mundo

Solenidade também contará com outras autoridades, como o governador Ronaldo Caiado e os comandantes do Exército, Marinha e FAB

Rafaella Soares -

Um mês após visitar Anápolis para assinar a concessão da Ferrovia Norte-Sul, o presidente da República Jair Bolsonaro (PSL) desembarca novamente na cidade nesta quarta-feira (04).

Desta vez, o chefe do Executivo Federal participará de uma solenidade militar na Ala 2 (antiga Base Aérea), onde será entregue o primeiro KC-390, considerado a maior aeronave já construída no Brasil e uma das mais potentes do mundo.

É que, devido a localização estratégica, Anápolis foi escolhida para receber o primeiro modelo do avião. Posteriormente, receberá ainda outros 13, de um total de 28 que foram adquiridos pela Força Aérea Brasileira (FAB) para substituir os C-130 Hércules.

Também já confirmou presença no evento, que será fechado às autoridades e iniciado às 11h, o governador de Goiás Ronaldo Caiado (DEM), além de ministros, embaixadores e comandantes do Exército, Marinha e FAB.

Com formação em paraquedismo, o presidente participou de uma entrevista coletiva com a imprensa nesta terça-feira (03) e brincou que ainda pretende fazer um salto enquanto estiver na cidade.

“A gente vai dar uma volta no KC-390 e estou tentando ver se consigo saltar dentro d’água amanhã. Vai ser dentro d’água, não tem problema”, disse.

KC-390

Fabricado pela Embraer na cidade de Gavião Peixoto, em São Paulo, o KC-390 foi criado com tecnologia de ponta para atuar em diferentes missões, como transporte de cargas e tropas, lançamento de paraquedistas, reabastecimento em voo, apoio a missões humanitárias, combate a incêndios, busca e salvamento e evacuação aeromédica.

(Foto: Divulgação)

Com velocidade de até 870 km/h, a aeronave suporta até 23 toneladas e pode voar até 2.730 km de distância. Caso a carga seja menor, o avião tem alcance de 4.914 km.

Ele também consegue levar até 80 soldados equipados ou 64 paraquedistas, 74 macas e equipe médica, além de ter espaço para acomodar grandes equipamentos, blindados, peças de artilharia, armamentos e até outras aeronaves.

PublicidadePublicidade

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade