PublicidadePublicidade

Após 76 dias, adolescente enfim deixa hospital e volta para Anápolis

Garoto sofreu grave acidente e médicos pensaram até que ele não acordaria mais. Uma corrente de oração foi formada e ganhou a cidade

Rafaella Soares -

A noite desta quarta-feira (18) está sendo de muita alegria para a família de Victor Gabriel Basílio dos Santos, de 12 anos, que enfim o receberá de volta em casa, no Residencial Colorado, instalado no Parque dos Pirineus, bairro da região Norte de Anápolis.

O adolescente estava internado há 79 dias, sendo 46 no Hospital Estadual de Urgências da Região Noroeste de Goiânia Governador Otávio Lage de Siqueira (HUGOL) e outros 33 no Centro de Reabilitação e Readaptação Dr. Henrique Santillo (CRER), também na capital, para se recuperar de um grave acidente.

Ao Portal 6, a mãe, Jéssica Rayane, contou que o filho já está quase recuperado completamente. No entanto, ainda tem pequenos lapsos de memória que deverão ser superados totalmente em pouco tempo.

Enquanto isso, ele também continuará passando por acompanhamento médico, pois precisou passar por um procedimento de traqueostomia durante a internação para que pudesse respirar.

“Quero agradecer a cada um que orou por ele, porque Deus escutou todas as orações e fez o milagre na vida do Victor. Quero agradecer também a toda equipe médica do HUGOL e do CRER. Antes temíamos que ele nunca voltasse à consciência e hoje, graças a Deus, ele está bem”, disse Jéssica.

Jéssica e Victor Gabriel. (Foto: Arquivo Pessoal)

Relembre o caso

No último dia 30 de junho, Victor Gabriel sofreu um acidente enquanto estava reunido com a família, em uma chácara da cidade, comemorando o aniversário da mãe.

“Nas redondezas da casa tinha um fio que ia do chão até o teto e ele disse para os amiguinhos que ia brincar de tirolesa. Não sabia que tinha energia e levou choque. Os meninos começaram a gritar, fizemos massagem cardíaca, peguei meu filho desacordado nos braços e levamos para o Hospital de Urgências de Anápolis (HUANA)”, contou ela.

A equipe médica do HUANA teve de reanimá-lo por aproximadamente 20 minutos e, assim que foi estabilizado, o encaminharam para o HUGOL.

Nas redes sociais, familiares e amigos de Victor Gabriel criaram campanha de oração, pois os primeiros exames realizados no adolescente não eram positivos e os médicos temiam que ele ficasse com sequelas permanentes ou que não acordasse mais.

O pedido dos entes queridos era que toda a população usasse a fé para pedir que Victor se recuperasse totalmente, de forma que voltasse “a ser o mesmo garoto alegre de sempre”.

PublicidadePublicidade

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade