PublicidadePublicidade

Em consulta médica, mãe descobre que filho pode ter sido estuprado em Anápolis

Garotinho tem apenas seis anos e teve de voltar ao hospital mais de uma vez

Da Redação -

Um caso delicado foi registrado na Central de Flagrantes nesta terça-feira (24). É que uma mulher teve de buscar ajuda da polícia após ser alertada que o filho pode ter sido vítima de estupro.

Conforme o Boletim de Ocorrência, na última sexta-feira (20) a mãe percebeu que a criança estava com febre e uma lesão nas partes íntimas.

Ele foi encaminhado à Upa Pediátrica, medicado e liberado para voltar para casa. No entanto, os remédios não abaixaram a febre e o garotinho voltou à unidade.

PublicidadePublicidade

A médica que realizou este segundo atendimento estranhou a lesão e decidiu acionar o conselho tutelar e solicitar que criança passasse por um exame pericial, pois os sintomas apontavam para uma possível violência sexual.

Preocupada, a mulher afirmou que há alguns dias percebeu uma mudança no comportamento do filho, mas que ele nunca relatou nada.

Na delegacia, ela ainda informou que o pai do garotinho fica com ele todas as sextas-feiras e que ele estuda em uma escola no Recanto do Sol, que possui circuito interno de câmeras de segurança.

Agora, o exame deverá apontar se ele realmente foi vítima de estupro. Caso o resultado seja positivo, caberá a Polícia Civil, possivelmente por meio da Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA), descobrir quem é o responsável pelo crime.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade