PublicidadePublicidade

“Minha vida está despedaçada”, diz pai de jovem desaparecida em Anápolis

"Não vou ter Natal, não vou ter Ano Novo”, lamenta o homem que chegou a receber fakes news sobre o caso

Denilson Boaventura Denilson Boaventura -

Se Paulo Barbosa Tomaz, de 44 anos, pudesse escolher um presente de Natal seria encontrar a filha Nadielly Fernandes Tomaz, de 21 anos.

Desde 16 de dezembro, quando saiu pela manhã do Viviam Parque, na região Sudoeste de Anápolis, afirmando que iria em uma consulta odontológica ela não foi mais vista.

O último contato feito pela jovem foi pedindo ajuda para alguns amigos via WhatsApp, no mesmo dia do desaparecimento. Nenhum deles, contudo, conseguiu retornar a mensagem.

Em conversa com a reportagem do Portal 6 nesta segunda-feira (23), Paulo Barbosa Tomaz contou que já não sabe mais onde procurar.

“Já fui em tudo nesses dias”, lamentou, acrescentando que recebeu fakes news de que a filha teria pegado ônibus na Rodoviária e que teria sido encontrada no distrito de Interlândia.

Nesses dois casos, ele se deslocou até os locais indicados – mas voltou sem nenhuma pista. “Estou sem ânimo para nada e nem consigo dormir. Não vou ter Natal, não vou ter Ano Novo, não vou ter nada”, desabafou.

“Fico sempre pensando pensando: onde ela pode estar? Minha vida está despedaçada”, finalizou lembrando que Nadielly é mãe de uma criança de três anos que, nesse tempo, está sendo cuidada pela avó.

A Polícia Civil (PC) segue investigando o caso. Informações sobre o paradeiro da jovem podem ser repassadas anonimamente ao Disque Denúncia 197 ou à família pelo (62) 9 9349-0714.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade