PublicidadePublicidade

CDL Anápolis quer um horário fixo para o funcionamento do comércio na cidade

Proposta já foi apresentada ao prefeito Roberto Naves, mas a entidade ainda aguarda devolutiva

Caio Henrique Caio Henrique -

A pandemia do novo coronavírus chegou em março e atingiu em cheio o comércio de Anápolis.

Antes do surto de saúde global, o setor estava otimista com uma possível recuperação das vendas após mais de quatro anos de crise econômica no país.

Com o avanço do vírus e a crescente constante dos números de casos e óbitos causados pela doença, muitas perguntas se acumulam sobre o futuro do comércio em Anápolis.

PublicidadePublicidade

Para ajudar a respondê-las, o Tema de Hoje, podcast diário do Portal 6, desta quinta-feira (23) conversou com Wilmar Jardim de Carvalho, presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Anápolis.

Por quanto tempo os lojistas do município irão suportar a pressão econômica e possíveis alternativas para aumentar a flexibilização de abertura dos comércios foram algumas das perguntas feitas ao executivo.

É possível adiantar que o líder classista tem pronta a reivindicação de mudança no horário de funcionamento do comércio na cidade enquanto vigenciar o grau moderado da matriz de risco.

Ele também conta como os pequenos comerciantes estão fazendo para contribuir com a fiscalização de lojas que desrespeitam os decretos governamentais.

Ouça no Spotify

Ouça no Anchor

A entrevista também está disponível no Google Podcast e Apple Podcast.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade