PublicidadePublicidade

Jovem viaja à praia com amigos e faz do passeio um caso dramático de polícia

Desaparecido por 11 dias, os amigos tiveram de procurar até no IML pelo turista

Gabriella Licia Gabriella Licia -

Imagina sair do país para pegar um dia de praia, desaparecer por 11 dias e virar caso de polícia? Foi o que aconteceu com Luiz Fernando Lopes Nunez, de 21 anos, que acabou se envolvendo em uma grande confusão.

Luiz saiu do Paraguai, seu país natal, para São Paulo, através de excursão. A ideia era tirar apenas alguns dias de férias. Antônio Silvero, de 35 anos, que estava com ele na viagem, afirmou à RecordTv que seria apenas um “bate e volta”.

No entanto, no dia 11 de outubro, enquanto todos entraram no mar para dar um mergulho, Luiz ficou na areia, tomando um sol, porque já havia bebido muito.

PublicidadePublicidade
121664506 3534448466649227 7227488890871404110 o

Luiz na praia, antes do sumiço / Foto: Divulgação

Depois de minutos, resolveu passear pela praia e, após andar um pouco, quis retornar ao local que havia deixado os pertences, mas não conseguiu êxito.

Por um instante pensou ter sido roubado e, na incessante busca pelos objetos, acabou se perdendo mais.

Ele até pediu um telefone emprestrado para ligar no próprio celular, na esperança dos amigos atenderem, mas foi em vão.

Como conhecer a cidade era um sonho do rapaz, ele decidiu sair para ver os pontos turísticos.

No mesmo dia ele foi dado como desaparecido entre os amigos.

Eles tentaram o procurar em todos os lugares, até mesmo no Instituto Médico Legal e abrigos para jovens, mas não conseguiram encontrar o parceiro.

O reencontro

Família e polícia foram acionada, e então começaram as buscas. Um tio do turista, Raul, também paraguaio, chegou ao Brasil para auxiliar.

Somente nesta quinta-feira (22), 11 dias após o sumiço, que conseguiram encontrar Luiz, por volta de 14h30 em um centro de assistência social.

Ambos foram levados para a delegacia da cidade para prestar depoimentos.

A polícia busca entender se o rapaz pegou uma carona ou se foi roubado e abandonado no trajeto.

PublicidadePublicidade

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade