PublicidadePublicidade

Polícia Civil de Anápolis registra caso de faxineira humilhada por cerimonialista

Vítima procurou delegacia e formalizou a queixa crime contra Valeriano Filho

Rafaella Soares Rafaella Soares -

Maria José de Souza Marques, de 54 anos, procurou a Polícia Civil nesta segunda-feira (09) para registrar um Boletim de Ocorrência pelo crime de injúria.

Ela é a diarista humilhada pelo cerimonialista Valeriano Filho, de 59 anos, através de áudios no WhatsApp que desde a última sexta-feira (06) estão circulando pelas redes sociais.

Moradora do Residencial Leblon, a mulher contou às autoridades policiais que recebeu os ataques apenas porque avisou que não poderia ir trabalhar.

PublicidadePublicidade

Na delegacia, ela se comprometeu a levar os áudios que comprovam a injúria e recebeu um prazo de seis meses para representar criminalmente contra Valeriano.

O caso

As duras palavras ditas pelo cerimonialista para a empregada doméstica foram divulgadas inicialmente pelo Twitter e acabaram repercutindo também em outras redes sociais.

Nos áudios, em meio a palavrões e expressões preconceituosas, Valeriano afirma que encontrará outra pessoa para limpar a casa dele e que cuspiria na cara da mulher caso a encontrasse na rua.

“Você não é digna de limpar nada. Você para mim não passa de um lixo. Vai fazer mocotó, que é comida de pobre e que é isso que você sabe fazer. Eu tenho ódio de me misturar com gentalha como você”, disse

O profissional da área de eventos chegou a procurar a reportagem do Portal 6 para se defender. De acordo com ele, só falou com ela dessa maneira porque a conhece há muito tempo.

“Na hora fiquei puto, porque ia receber quatro clientes e ela não veio limpar a casa. Daí como eu tenho moral com ela, falei daquele jeito. Se não fosse conhecida, eu jamais falaria. Falei justamente porque ela é de dentro da minha casa”, justificou

Essa também foi a mesma desculpa que Valeriano deu em um grupo com colegas de profissão. Mesmo assim, várias pessoas reprovaram a atitude e o grupo sofreu uma debandada.

Ligação forçada

Desde que o Portal 6 repercutiu o caso, militantes e apoiadores de candidatos à Prefeitura de Anápolis usaram uma participação de Valeriano Filho no programa eleitoral do atual prefeito, Roberto Naves (PP), para ligá-lo à campanha navista e dizendo que o profissional é comissionado no atual governo.

A reportagem verificou no Portal da Transparência do Município que isso não é verdade.

Na íntegra do vídeo, o cerimonialista aparece como mais um popular que elogia o reforço do policiamento na região do bairro de Lourdes, a partir do programa “Força Tática Municipal”. Assista clicando aqui.

O Portal 6 apurou que Valeriano Filho mora no setor Chácaras Americanas, loteamento localizado na mesma adjacência.

https://portal6.com.br/2020/11/09/grupo-com-profissionais-de-eventos-de-anapolis-sofre-debandada-apos-justificativa-de-valeriano-filho/

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade