PublicidadePublicidade

Episódio do Masterchef Brasil terá apenas participantes negros

Vencedor ainda será premiado com uma bolsa de estudos integral para graduação ou pós-graduação, além de outros mimos

Folhapress Folhapress -

O 21º episódio do MasterChef Brasil 2020 (Band), que vai ao ar nesta terça-feira (1º), contará apenas com participantes negros. Eles têm idade entre 21 e 53 anos e diversas experiências profissionais. Na nova temporada da atração, cada programa traz oito novos cozinheiros e um deles sai como campeão da disputa.

O reality contará com a Caixa Misteriosa dos Famosos, sucesso da atual temporada, na qual celebridades sugerem pratos aos cozinheiros. Desta vez, participarão os cantores Di Ferrero, que trará como sugestão um pudim, Elba Ramalho, pedindo um peixe grelhado com ervas e farofa de banana, Paula Fernandes com um salpicão assado e Preta Gil sugerindo um estrogonofe.

O ponto da proteína será essencial para conquistar uma vaga na segunda fase da disputa. Aqueles que se saírem melhor nas solicitações dos cantores seguem na competição. Na prova decisiva, eles terão que preparar um galeto recheado, servido com molho e acompanhamentos.

O autor do melhor prato levará para casa o 21º troféu do talent show e R$ 5 mil, além de doar a mesma quantia para a associação Lar São Francisco de Assis na Providência de Deus, em Jaci, no interior de São Paulo. O vencedor do episódio ainda será premiado com uma bolsa de estudos integral para graduação ou pós-graduação, um forno, um jogo de panelas profissional,um kit de facas, um alto-falante sem fio com comando de voz e R$ 5 mil em compras.

Participantes do 21º episódio do MasterChef Brasil 2020:

Eliane, 44 anos
Nascida e criada em São Paulo, prefere ser chamada de Li Bombom. Foi a sua avó, uma cozinheira de mão cheia, que lhe passou as habilidades culinárias. Bombom gosta de cozinhar comida bem brasileira e, depois de tanto ser elogiada pelo sabor dos seus pratos, quer ver se também conquista o paladar dos exigentes jurados.

Gilson Tiago, 33 anos
Nascido em Belo Horizonte (MG), Gilson cresceu no interior do estado e aprendeu a cozinhar comida caipira embora atualmente more em São Paulo. Suas tias são donas de restaurante, sua mãe é cozinheira e seu pai tem um restaurante em Lisboa. Como a culinária corre no sangue da família toda, quer seguir os mesmos passos e abrir um rock bar com petiscos.

Josiane, 28 anos
Apesar de ter nascido e morar em São Paulo, carrega com muito orgulho as raízes nordestinas da família, principalmente na culinária. Foi criada por mãe solo e começou a trabalhar desde cedo para ajudar em casa. Vê o MasterChef como uma ótima oportunidade para se encontrar como cozinheira.

Luiz, 31 anos
Nascido em São Paulo, trabalha como corretor de imóveis e é muito determinado. Começou a trabalhar como auxiliar de pedreiro aos 8 anos e ajudou a mãe a construir a própria casa. Acredita ter o dom da culinária, por isso o MasterChef pode ser sua melhor oportunidade para mudar de vida.

Ricardo, 53 anos
Com cinco filhas, já é avô e se considera uma pessoa muito família. Atualmente trabalha como gestor de segurança e assume as panelas durante o final de semana. Nascido em São Caetano do Sul, no ABC Paulista, mora em Jundiaí e seu ponto forte na cozinha são as carnes e os frutos do mar. Dentre as opções internacionais, a comida espanhola é sua favorita.

Stephany, 22 anos
Aos 7 anos, aproveitou que a mãe estava fora e passou a assumir a cozinha da casa. Desde então, não largou mais o fogão. Seja na vida pessoal ou na gastronomia, ela adora ser diferente e ter o seu estilo próprio. Nascida e criada em São Paulo, atualmente trabalha como modelo e promete deixar sua marca na cozinha do MasterChef.

Tiffany, 21 anos
Nascida em Uberaba (MG), começou a cozinhar quando foi morar sozinha, já que quando era pequena sua mãe não a deixava chegar perto das panelas. Atualmente morando em São Paulo, sonha em se tornar uma grande chef de cozinha e vê o programa como a oportunidade de seguir a carreira que sempre quis.

Wagner, 31 anos
Desde pequeno, sempre escutou que cozinha não era lugar para homens. Nascido em Campo Mourão, no Paraná, formou-se como técnico de enfermagem e hoje trabalha com eventos corporativos em São Paulo. Garante nunca ter deixado de lado o sonho de tornar-se um chef e acredita que agora chegou o seu momento.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade