PublicidadePublicidade

Crise, apesar das dores, também gera oportunidades que são determinantes na retomada econômica

Da Redação Da Redação -
(Foto: Reprodução)

Desemprego em nível recorde, aumento da pobreza, queda da arrecadação e falência das empresas são algumas das consequências do choque econômico provocado pela pandemia da Covid-19.

Mesmo nesse cenário crítico e de incertezas, é relevante planejar a pós pandemia da Covid-19. A superação da economia não poderá ocorrer apenas por parte do Estado, através dos investimentos públicos e políticas públicas de incentivos. Serão necessários também, por parte da população e empresas, um sentimento de otimismo, perseverança e percepção das mudanças para tomar decisões corretas que vão construir o nosso futuro.

PublicidadePublicidade
PublicidadePublicidade

Compreender esse novo mundo, os impactos financeiros e como faremos para superá-lo, são questionamentos que precisamos refletir. Quais são as oportunidades e tendências que podemos vislumbrar para o amanhã? Sem dúvidas haverão oportunidades para crescermos e nos prepararmos, pois historicamente, negócios de sucesso enxergaram oportunidades em períodos de crises e incertezas.

Certamente, em se tratando de saúde, mudança de hábitos, prevenção e cuidados serão marcantes após a pandemia. Na educação, além de avançarmos no ensino online e formação de educadores, o papel da escola sai fortalecido. No mundo do trabalho, o home office ou a rotina online, foram uma das mudanças mais evidentes nesse período. O comércio eletrônico que já se apresentava em franco crescimento, disparou. Tradicionais vendedores não contam mais com sua simpatia e comunicação como principais características para venda física, precisaram estes se prepararem e qualificarem para venda digital.

Diante da necessidade do distanciamento e isolamento social, as entregas online conhecidas como delivery, cresceram e seguem em franca expansão. Observamos também alguns impactos no sistema econômico, entrando em discussão o auge dos pagamentos eletrônicos. Essa nova relação monetária impulsiona os modelos de negócios por um autoatendimento.

Considerando as mudanças no comportamento das pessoas, assim como no passado, onde crises ajudaram a modelar a economia, nos dias atuais vemos o mesmo processo acontecendo. Mas infelizmente muitos profissionais, empresários e comerciantes, estão demorando a compreender as mudanças provocadas pela pandemia, tornando seus negócios vulneráveis. É fundamental entender essas mudanças e se posicionarem no mundo pós-pandêmico repensando padrões e modelos econômicos, mantendo seus negócios previsíveis, estáveis e prósperos.

Márcio Corrêa é empresário e odontólogo. Preside o Diretório Municipal do MDB em AnápolisEscreve todas as segundas-feiras.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade