PublicidadePublicidade

Mostrando que não superou ter perdido a Presidência dos EUA, Trump fez “réplica” do gabinete em casa

Ex-presidente americano nunca superou a derrota na tentativa de reeleição e alegou que houve fraude na vitória de Joe Biden

Folhapress Folhapress -
(Foto: Reprodução)

O ex-presidente dos EUA Donald Trump montou um escritório em seu resort em Mar-a-Lago que lembra o Salão Oval na Casa Branca. Uma imagem do local foi postada por um de seus assessores, Stephen Miller.

O republicano levou para sua nova residência, no estado da Flórida, vários símbolos de sua passagem pela Presidência. O site americano de notícias Politico fez uma análise detalhada da foto do escritório e apontou que a cadeira usada por Trump é a mesma na qual ele se sentava na Casa Branca.

A mesa de trabalho, por sua vez, lembra a Resolution Desk, usada há décadas por presidentes dos EUA.

PublicidadePublicidade

O modelo utilizado atualmente por Trump parece ser a Telluride Wood, escrivaninha à venda em um site de móveis por US$ 3.600 (R$ 20 mil). Sobre a mesa, há uma caixa de madeira com o selo presidencial, dada de presente a Trump, além de uma réplica da placa de inauguração de um trecho do muro na fronteira com o México, um dos símbolos de sua gestão e que não foi finalizado.

O Politico também notou que há uma caneta Sharpie na mesa, do tipo usado para escrever em quadros-brancos. Em 2019, Trump mostrou um mapa com a rota prevista de um furacão, mas com o conteúdo alterado por uma caneta do tipo, de modo a ignorar as análises dos meteorologistas.

Atrás de sua mesa, há uma série de “challenge coins”, moedas comemorativas que são trocadas entre militares, como sinal de reconhecimento. O ex-presidente, que se coloca como defensor das Forças Armadas, recebeu várias delas durante o mandato.

Perto delas, está uma estátua do próprio Trump e uma caneca com o selo presidencial.

Na mesinha do outro lado, há fotos de família. Nas paredes, outras referências ao tempo na Casa Branca: um quadro mostra o Air Force One sobrevoando Washington, e outro, o monte Rushmore, onde foram esculpidos retratos de ex-presidentes dos EUA.

Após sair da Presidência, em janeiro, Trump passou a morar em Mar-a-Lago. Pouco antes de deixar o cargo, ele foi banido das principais redes sociais, nas quais costumava postar muitas mensagens, por estimular discursos de violência. O republicano tem feito críticas ao governo do sucessor, Joe Biden, e busca seguir influenciando os rumos de seu partido.

Em um discurso em fevereiro, insinuou que pode tentar disputar a Casa Branca de novo em 2024. Trump perdeu a reeleição em 2020 e se recusou a reconhecer a derrota. Ele não foi à posse do sucessor, Joe Biden.

Segundo a revista Forbes, Trump tem atualmente uma fortuna de US$ 2,4 bilhões (R$ 13,4 bi). No entanto, há dúvidas sobre qual seja a riqueza real dele e qual o estado de suas finanças. Como suas empresas têm capital fechado, elas não precisam divulgar dados detalhados.

Os negócios de Trump são alvo de investigação na Justiça dos EUA, que prosseguem mesmo após sua saída da Presidência. No ano passado, reportagem do jornal The New York Times mostrou que suas empresas têm mais de US$ 300 milhões em empréstimos a vencer nos próximos anos, e que elas declararam prejuízos milionários nos últimos anos. No entanto, não se sabe se as perdas foram reais ou apenas uma estratégia para pagar menos impostos.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade