PC de Anápolis já investiga morte de adolescente que teve hemorragia em sexo com namorado

Rapaz, que é adulto, chegou com ela na Santa Casa já sem os sinais vitais

Da Redação Da Redação -
(Foto: Reprodução)

O final de semana em Anápolis foi marcado pela morte misteriosa de Tais Vitória Gomes Arcanjo, uma adolescente de 17 anos.

Na noite de sábado (24), policiais militares foram acionados para comparecer na Santa Casa, depois que a garota deu entrada já sem os sinais vitais.

As equipes médicas ainda tentaram algumas manobras de reanimação, mas não obtiveram sucesso.

PublicidadePublicidade

O que chamou atenção, porém, foi o estado em que a paciente chegou lá: de roupas abaixadas e com um forte sangramento nas partes íntimas.

Nas imediações do hospital, os policiais encontraram o namorado da vítima, de 22 anos. Aos agentes, o rapaz contou que os dois eram parceiros há cinco meses e que estavam no ato sexual quando ela começou a ter a hemorragia e desmaiou.

Ele alega que chegou a acionar o Corpo de Bombeiros para socorrê-la, mas devido à gravidade da situação, resolveu levar a adolescente por conta própria para a Santa Casa, juntamente com um irmão e a mãe.

Os policiais então foram até a casa da família, na Vila Santa Isabel, e se depararam com o sangue da adolescente espalhado por todo lado. Uma perícia precisou ser realizada na residência para auxiliar na elucidação dos fatos.

O namorado de Tais teve de ser levado até a Central de Flagrantes para prestar mais esclarecimentos e agora está à disposição da Justiça.

O caso foi registrado, inicialmente, como homicídio simples e já está sendo investigado pela Polícia Civil.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade