PublicidadePublicidade

Mãe e bebê vivem drama após fechamento de UTI no Hospital Evangélico

Família, que tem plano do Ipasgo, até tentou internação na Santa Casa, mas não havia vaga

Avatar Danilo Boaventura -
Centro Obstétrico e UTI neonatal e pediátrica do Hospital Evangélico. (Foto: Danilo Boaventura/ Portal 6)

O fechamento da UTI neonatal do Hospital Evangélico Goiano (HEG) já trouxe consequências práticas.

Um bebê que nasceu na terça-feira (1º) precisou deste tipo de leito logo após o parto, mas precisou esperar por várias horas até ser transferido para uma maternidade em Goiânia.

A família, que tem plano do Ipasgo, tentou antes fazer a internação na Santa Casa, mas não havia vaga.

PublicidadePublicidade

A mãe, que tem 40 anos, já recebeu alta e mal pôde ver o filho – que ficou em uma incubadora improvisada.

PublicidadePublicidade

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade