PublicidadePublicidade

Goiás recebe mais de 230 mil doses para reforçar à vacinação contra Covid-19

“A nova variante Delta tem nos surpreendido com a capacidade de atingir pessoas mais jovens e também contaminar idosos”, alertou Caiado, reforçando que medidas de cuidado devem ser tomadas

Da Redação Da Redação -
(Foto: Hegon Corrêa e Wesley Costa)

Goiás recebeu, nesta quarta-feira (28), dois novos lotes de vacina contra Covid-19, com total de 231.660 imunizantes. O primeiro carregamento desembarcou logo pela manhã, no Aeroporto Internacional de Goiânia, com 159.120 doses da vacina AstraZeneca, produzidas pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz). À tarde, chegaram 72.540 vacinas da Comirnaty, do laboratório Pfizer. Com as unidades encaminhadas pelo Ministério da Saúde na terça-feira (27), Goiás completa 386.460 doses recebidas nesta semana.

Do aeroporto de Goiânia, a carga foi encaminhada para a Central Estadual de Rede de Frio, no Jardim Santo Antônio, para contagem e redistribuição para os municípios goianos. As vacinas da AstraZeneca serão usadas exclusivamente para aplicação da dose de reforço. Já os imunizantes do laboratório Pfizer serão destinados à primeira e à segunda doses.

“Seja exemplo no nosso Estado, nos ajude a convencer a população. É inaceitável que Goiás ainda tenha pessoas que não voltaram para tomar a segunda dose”, salientou o governador durante evento, em Goiânia, na manhã desta quarta-feira.

PublicidadePublicidade

Caiado também alertou para a necessidade de a população manter os cuidados, especialmente com a ocorrência da variante Delta em Goiás. A Secretaria de Estado da Saúde (SES-GO) confirmou que foram identificados cinco casos, sendo quatro em moradores de Goiânia e um de Santo Antônio do Descoberto, até terça-feira. Não há registro de transmissão comunitária no Estado.

“Essa nova variante Delta tem nos surpreendido com a capacidade de atingir pessoas mais jovens e também contaminar idosos”, frisou Caiado. “Não parem de usar máscara. Mantenham os protocolos”, acrescentou.

O secretário de Estado da Saúde de Goiás, Ismael Alexandrino, também alertou para a importância de a população não perder o prazo para completar a imunização com o reforço. “As pessoas devem ficar atentas e voltar aos postos para receberem a segunda dose dentro da data preconizada e informada no cartão de vacinação”, ressaltou.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade