PublicidadePublicidade

“Herói e temente a Deus”: copiloto que morreu em acidente com Marília Mendonça seria pai pela terceira vez

Irmãs do profissional postaram mensagens de despedida nas redes sociais e contaram como receberam a notícia do falecimento

Rafaella Soares -
Tarciso era copiloto no acidente envolvendo Marília Mendonça. (Foto: Reprodução / Redes Sociais)

Pai de dois filhos, de 22 e 07 anos, Tarciso Pessoa Viana, de 37, vivia no Distrito Federal e aguardava ansiosamente pela chegada de mais um bebê com a esposa grávida.

Ele era o copiloto que acompanhava Geraldo Medeiros Júnior e uma das vítimas do acidente de avião envolvendo a cantora Marília Mendonça.

Nas redes sociais, a irmã de Tarciso, Nagila do Vale, publicou fotos e um vídeo em que o irmão aparece pregando em uma igreja evangélica.

PublicidadePublicidade

“Muito sábio, temente a Deus. Me ensinava a orar e sempre orava por mim. Te amo até a eternidade”, escreveu.

Em outra publicação, a familiar relatou como recebeu a notícia do falecimento da empresa em que ele trabalhava.

“Como a empresa me deu a notícia: Nagila, seu irmão foi um herói. Ele deu a vida e tentou de tudo. A prova está ai. A aeronave não se estraçalhou”.

Também irmã de Tarciso, Nadia Viana ressaltou que ele foi um herói e “tentou de tudo para salvar todos”.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.