Goiás já é o terceiro estado em ranking de mortes causadas por dengue no Brasil

Anápolis, Cristalina e Goianésia são os locais com mais óbitos. Contaminação assusta nos municípios de menor densidade populacional

Augusto Araújo -
Agente de endemias fiscalizando quintal de casa. (Foto: Gabriel Jabur)

Goiás é o terceiro estado que mais registrou mortes por dengue em 2021. No total, foram 20 mortes contabilizadas até o dia 06 de novembro, conforme os dados mais recentes divulgados pelo Ministério da Saúde.

Apenas São Paulo, com 53 casos, e Paraná, com 28, apresentaram marcas superiores. Em todo o Brasil, foram confirmadas 209 mortes pela doença desde o início do ano.

Comparando os índices, Goiás é responsável por cerca de 10% dos óbitos registrados em todo o país, embora o abrigue apenas 3% da população nacional.

Portal 6 levantou os dados do Boletim da Dengue, divulgado pela Secretaria Estadual de Saúde (SES), e confirmou que as cidades que mais tiveram óbitos em Goiás foram Anápolis, Cristalina e Goianésia, com três mortes cada.

Formosa, logo depois, teve dois casos confirmados. Com uma morte cada, Goiânia, Águas Lindas, Campinorte, Catalão, Luziânia, Paraúna, Silvânia, Turvânia e e Valparaíso completam a lista de municípios com óbitos por dengue.

Outros 12 casos no estado estão sendo avaliados pela SES, suspeitos de terem sido causado pelo mosquito da dengue.

Contaminação em alta

A população dos municípios goianos de pequeno porte enfrentam uma situação grave no combate à doença. Embora o número total de contaminação não seja alto, proporcionalmente os dados impressionam.

O boletim da SES aponta que, nas últimas quatro semanas pesquisadas, a cidade com maior índice de contaminação por habitantes foi Faina, região Norte, com 50 casos de dengue em 2021.

Como o município possui apenas 6,6 mil habitantes, é como se uma a cada 133 pessoas tivesse se contaminado na cidade.

Proporcionalmente, seguem os municípios com maior índice de doença por habitante: São Miguel do Passa Quatro, Buriti de Goiás e Mossâmedes.

Números totais

Ao levar em consideração o número total de registros da doença, Goiânia lidera com 8.128 casos. Aparecida (7.083), Anápolis (3.663) e Cristalina (6.319) foram os outros três municípios que mais sofreram com a doença ao longo de 2021.

O estado de Goiás registrou mais de 41 mil casos confirmados e 63 mil notificados (quando se há suspeita de dengue) ao longo das 45 semanas epidemiológicas pesquisadas.

Os dados da SES mostram que, embora ainda altos, os índices diminuíram em relação aos últimos anos. Foram 54 mil casos confirmados e 83 mil notificados no mesmo intervalo de tempo em 2020.

Já em comparação a 2019, é ainda mais significante. Naquele ano, foram 103 mil casos registrados e 144 mil notificações.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.