Saiba quais cidades goianas estão “aptas” a liberar o uso de máscara

Portal 6 realizou levantamento com todos os municípios do estado e consultou especialista para aferir efetividade da medida

Caio Henrique -
Máscaras já começaram a deixar de ser obrigatórias em algumas cidades de Goiás. (Foto: Agência Brasil)

O progresso da vacinação contra a Covid-19 continua pautando algumas das principais discussões acerca da obrigatoriedade do uso de máscaras em lugares públicos.

Em Goiás não é diferente. Tanto é que a Secretaria de Saúde do Estado (SES-GO) segue atualizando constantemente  os dados do processo de imunização no estado.

O Portal 6 realizou um levantamento com base nas estatísticas mais recentes e apurou que, até o momento desta publicação, 25 dos 246 municípios chegaram à marca de 70% da população vacinada com as duas doses ou dose única dos imunizantes.

PublicidadePublicidade

O percentual é considerado por alguns estudiosos como o ideal para que as máscaras sejam abandonadas, considerado como o equivalente a “imunidade de rebanho”.

Especialista

Em entrevista à reportagem, no entanto, o médico infectologista Marcelo Daher ponderou algumas outras questões sobre a temática.

“O uso de máscara em local aberto independe da quantidade de pessoas vacinadas, porque a via de transmissão é quase inexistente, muito diferente de um shopping fechado e cheio de gente, por exemplo”, explicou.

“Atualmente, é muito forte a discussão da troca de ar, que tem um papel muito importante na transmissão e controle da doença”, acrescentou o especialista.

Marcelo Daher também opinou sobre as estimativas em relação ao número ideal de vacinados.

“É difícil dizer o valor preciso porque depende muito das variantes. A delta, por exemplo, exige uma vacinação maior do que as outras. 70% pode ser razoável, mas eu ficaria com algo mais para esta variação, talvez uns 85%”, esclareceu o médico.

Realidade

Se recomendação do infectologista fosse adotada, apenas dois dos 246 municípios teriam condições de deixar o equipamento de proteção de lado.

É o caso de São João da Paraúna, que vacinou 89,1% da população, e também Pilar de Goiás, com 85,17%.

Mairipotaba (84,58%), Guarinos (84,36%) e Campos Verdes (81,61%) fecham o top 5 do estado.

Porém, caso o cenário dos 70% fosse a métrica utilizada para determinar a decisão, como tem acontecido em diversos lugares do país, a lista de municípios aptos a deixarem a máscara seria bem maior.

Confira a relação na íntegra, a seguir.

  • São João da Paraúna
  • Pilar de Goiás
  • Mairipotaba
  • Guarinos
  • Campos Verdes
  • Buriti de Goiás
  • Arenópolis
  • Aracu
  • Anhanguera
  • Aurilândia
  • Damianópolis
  • Damolândia
  • Davinópolis
  • Itaguari
  • Itapirapua
  • Moipora
  • Morro Agudo de Goiás
  • Ouvidor
  • Palmelo
  • Professor Jamil
  • Santa Rosa de Goiás
  • Taquaral de Goiás
  • Três Ranchos
  • Uirapuru
  • Crominia

PublicidadePublicidade

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.