PublicidadePublicidade

Após moradores ilhados e mais de 30 ligações para Saneago, termina agonia em condomínio de Anápolis

Edifício conta com 13 andares e uso do elevador foi completamente impossibilitado após o problema, que se estendeu durante toda a semana

Caio Henrique -
Situação teve início após fortes chuvas no domingo (21) e só foi terminar na manhã desta quinta-feira (25). (Foto: Reprodução)

Só foi terminar nesta quinta-feira (25) o sofrimento e agonia dos moradores do condomínio do Edifício Samell, localizado na Rua Benjamin Constant, 1140, na esquina com a Rua Rui Barbosa, no Centro de Anápolis.

Isso porque, desde domingo (21), a garagem do local, que fica no subsolo, vinha sendo alvo de um vazamento de esgoto, causado pelo entupimento dos encanamentos da rua.

É o que explicou a síndica do condomínio, Maria do Carmo Pereira, em entrevista exclusiva ao Portal 6.

Dificuldade

A moradora, que tem 71 anos, detalhou também que a invasão de água suja causou, além do cheiro terrível, a impossibilidade de utilizar o elevador, já que os poços foram completamente inundados.

“Nós temos diversas famílias de idosos, que não têm condições de usar as escadas. São 13 andares”, afirmou Maria, mais conhecida como Dona Carmem no prédio.

Vários registros foram feitos mostrando a situação da garagem e dos elevadores.

A síndica disse que ela, junto dos outros habitantes, buscaram contato com a Saneago desde segunda-feira (22), através de mais de 30 ligações.

A resposta da empresa, segundo ela, teria sido apenas de que o problema ” já havia sido passado para o setor de priorização”.

Solução

A situação se arrastou até esta quinta-feira (25), quando uma feliz coincidência resolveu os problemas dos moradores.

O porteiro do edifício acabou se encontrando com alguns servidores da Saneago que operavam em uma ocorrência diferente.

Eles, que, segundo a moradora, alegaram nem terem sido informados do caso, se prontificaram para ajudar.

“Em menos de 30 minutos esta equipe foi lá e desentupiu. Foi um verdadeiro achado, senão ainda estaríamos sofrendo com o retorno do esgoto”, agradeceu Maria.

Saneago

A reportagem entrou em contato com a Saneago e questionou a situação, a fim de saber se estavam cientes do problema desde o acontecimento e o que teria causado o episódio.

A companhia, no entanto, sustentou que os técnicos realizaram o trabalho de contenção imediatamente após o comunicado do porteiro – que aconteceu apenas na manhã desta quinta-feira (25).

A empresa explicou também que a causa do extravasamento foi o descarte irregular de lixo, que estava presente em excesso na tubulação.

Confira a nota na íntegra, a seguir:

A Saneago informa que o vazamento foi contido nesta manhã (25). A Companhia explica que, imediatamente, quando acionada – pelo porteiro do condomínio – técnicos executaram os trabalhos de contenção do vazamento. O extravasamento foi provocado por lançamento indevido de lixo na rede. Durante o trabalho, técnicos retiraram uma grande quantidade de lixo da tubulação, que tem dimensionamento para receber apenas o esgotamento sanitário. A Companhia solicita a cooperação de todos no sentido de não jogar lixo nas redes de esgoto para evitar novas obstruções.

PublicidadePublicidade

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.