Goiás deverá ter nova onda de chuvas intensas, alerta Cimehgo

Análise levou em consideração todas as regiões do estado, que sofre influência de um "corredor de umidade"

Caio Henrique -
Previsão para o final de semana é de chuva em todo o estado. (Foto: Camila Vaz)

O Centro de Informações Meteorológicas e Hidrológicas do Estado de Goiás (Cimehgo) emitiu um boletim de monitoramento para a próxima segunda-feira (03).

O documento reuniu previsões e informações de todos os cantos do estado, como forma de prevenção de possíveis desastres naturais, causados pelas fortes chuvas e temporais.

Nos últimos dias, Goiás vem sofrendo a influência de um “corredor de umidade”, que potencializou as já conhecidas chuvas da época, formando diversas áreas de instabilidade.

Tanto é que municípios da região Norte e Nordeste já tiveram de enfrentar algumas consequências das intensas precipitações.

A previsão para segunda (03), por outro lado, é de que a chuva se torne mais marcante nas regiões Leste e Oeste do estado, onde poderá cair até 40 mm de água do céu.

Para se ter uma ideia, os especialistas consideram o valor como alto. Números acima de 50 mm, por exemplo, já caracterizam chuvas violentas e extremamente perigosas.

Ainda de acordo com o boletim, elas deverão ser acompanhadas por rajadas de vento e raios, nas diferentes regiões de Goiás.

Municípios como Anápolis e Goiânia ganharam uma previsão própria e personalizada para a realidade das cidades.

Nestas análises, o Cimehgo previu uma temperatura mínima de 19º C em Goiânia e 18º C em Anápolis. Já as máximas, são de 28º C  e 26º C, respectivamente.

O município do interior deve ter um cenário bem mais brando que a capital, com a expectativa de 12 mm de água no início da semana.

O valor para Goiânia poderá chegar a 20 mm, o que representa precipitações consideravelmente mais intensas.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.