Homem que estava perseguindo a ex-companheira após término é preso

Vítima tinha uma medida protetiva a favor de si, mas nem isso foi capaz de parar o suspeito

Gabriella Pinheiro -
Ele começou a perseguir a mulher após o término. (Foto: Divulgação/Polícia Civil)

Um homem foi preso na tarde desta segunda-feira (28) em Aparecida de Goiânia, após perseguir, atropelar e violentar a ex-namorada.

De acordo com a Polícia Civil (PC), a primeira vez que a mulher compareceu a Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (Deam), foi no final do ano de 2021.

Segundo a vítima, o autor do crime passou, ao longo do relacionamento, a mostrar um comportamento agressivo e, por isso, ela decidiu terminar.

No entanto, o homem não aceitou a decisão e passou a persegui-la, ameaça-la e até a agredir fisicamente.

Para evitar com que o investigado continuasse com as constantes intimidações, a vítima se viu obrigada a mudar repetidas vezes de endereço.

Embora tivesse uma medida protetiva a favor essa não foi capaz de conter as constantes agressões do homem. De acordo com a Deam, um dos últimos ataques ocorreu no dia 21 de fevereiro deste ano.

Na ocasião, a vítima relatou que estava em um bar próximo a residência quando notou a chegada do ex e decidiu ir embora do local.

Contudo, ele passou a persegui-la até a residência. Ao chegar na casa, o suspeito desferiu murros, socos, empurrões e até tentou enforcar a mulher. Em um determinado momento, o homem se apoderou de uma faca e tentou cortar o cabelo da vítima.

Na tentativa de se defender, a mulher pegou uma barra ferro, mas ele conseguiu toma-la das mãos da vítima e utilizou o objeto para golpeá-la nas costas e na cabeça, fazendo com que a ex-companheira desmaiasse.

Após o ocorrido, o responsável está sendo investigado por lesão corporal contra a mulher por razões da condição do sexo feminino, ameaça, violência psicológica, dano e descumprimento de medida protetiva.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade