Briga entre caminhoneiros quase termina em assassinato na Avenida Brasil

Popular que testemunhou a cena acionou a Polícia Militar, mas ninguém foi levado para delegacia

Da Redação -
Viaduto Nelson Mandela, na Avenida Brasil Norte. (Foto: Claudiomir Gonçalves/ Anápolis na Rede)

A Avenida Brasil Norte foi palco de uma confusão na manhã deste domingo (03), em Anápolis.

Um homem, de 42 anos, gerente de transportes, foi agredido e ameaçado de morte por dois caminhoneiros.

Tudo aconteceu quando ele decidiu demitir um dos homens, que estava junto a ele no caminhão.

Coincidentemente, um colega de outra empresa ligou para o gerente pedindo uma indicação de motorista, pois tinha acabado de mandar embora um terceiro.

Os dois demitidos, então, prepararam uma emboscada para o homem, que foi atacado quando parou o caminhão na Cidade Universitária.

Com uma faca, os dois tentaram furar o pescoço e o peito da vítima, que sofreu apenas arranhões.

No meio da briga, ele ainda conseguiu subir no automóvel e pegar uma ferramenta para se defender.

Após alguns minutos de confusão, os agressores fugiram do local anunciando que iriam voltar para matá-lo.

A Polícia Militar foi acionada por um popular que passava no local. Em seguida, foi solicitado o exame de corpo de delito na vítima.

Agora, as investigações ficarão por conta da Polícia Civil.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade