Centro de Goiânia será palco de protesto anti-Bolsonaro neste final de semana

Parte de movimento nacional, manifestações na capital goiana começarão na Praça do Trabalhador e seguirão rumo à Praça Cívica

Augusto Araújo -
Protesto contra Bolsonaro na Praça do Trabalhador, em 2021. (Foto: Reprodução).

O Centro de Goiânia será palco da manifestação “Bolsonaro Nunca Mais”, que está prevista para ser realizada no final da tarde deste sábado (09).

Dentre as principais pautas do protesto, estão os aumentos consecutivos no preço dos alimentos, combustível e gás de cozinha, além do atual quadro de desemprego instaurado no governo bolsonarista.

Conforme o Fórum Goiano, entidade que organiza o ato, os manifestantes começarão a se reunir na Praça do Trabalhador, a partir das 16h. Em seguida, às 18h, eles começarão a marchar pela Avenida Goiás até chegar na Praça Cívica.

Uma das responsáveis pela coordenação do evento, a presidente do PSOL em Goiânia, Manu Jacob, explicou que o ato deve reunir diversos movimentos sociais e universitários, além de partidos políticos da capital.

“Esse protesto faz parte de uma mobilização nacional ‘Fora Bolsonaro’,  que ocorrerá em várias cidades do país. A nossa estimativa é de que, apenas em Goiânia, cinco mil pessoas se juntem ao movimento”, disse ao Portal 6.

A ativista também explicou que serão feitas orientações aos manifestantes para que ocorra tudo em segurança, visto que os atos devem reunir desde crianças até idosos.

“Pelo nível de polarização que está a política brasileira atual, podem ocorrer provocações de gente contra o protesto. A gente pede para não caírem em provocações do tipo, nem provocar de volta, e fazer um evento seguro”.

“Também tem a preocupação com a segurança sanitária. Embora o uso de máscaras em lugares abertos já esteja liberado, a pandemia ainda não acabou. É importante manter as orientações de saúde contra a Covid-19”, complementou.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.