Cansado de esperar para usar aparelho em academia, homem perde a cabeça e vídeo com atitude viraliza: “poderia ter matado”

Autoridades vão investigar o caso após a vítima precisar ser socorrida e levada ao hospital

Gabriella Licia -
Imagem mostra exato momento em que vítima é agredida com halter por colega de academia. (Foto: Reprodução)

Um homem, já cansado de esperar por um aparelho na academia, atacou o colega de treino com um halter e o deixou completamente machucado. O caso aconteceu na última terça-feira (17).

A vítima Gary Reed, nascido em Hastings, na Inglaterra, estava deitado em uma cadeira, enquanto fazia um exercício de supino, quando o outro homem, de 46 anos, pediu que ele desocupasse logo o local.

Gary explicou que haviam outras cadeiras vazias mas que, mesmo assim, já estaria terminando aquele exercício. O agressor pareceu satisfeito com a resposta e saiu.

Nas imagens de segurança da academia, é possível ver o homem deixando o local e retornando armado com o halter. Ele ataca a face da vítima e os dois partem para uma agressão corporal intensa.

Depois de ser imobilizado, o agressor preferiu fugir e Gary teve de ser hospitalizado. Lá, ele precisou receber 60 pontos nos cortes, além de ter sofrido uma fratura na órbita do olho direito e sangramento na retina direita.

Agora, o homem realizará uma tomografia computadorizada para verificar se restaram maiores danos cerebrais. Quanto ao suspeito do ataque, a polícia britânica está investigando o caso.

Ao jornal Metro, a vítima contou que o susto foi enorme e que só depois percebeu a gravidade e o perigo que correu: “poderia ter me matado”.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.