“Dia sem impostos” já tem data marcada e promete oferecer descontos de até 70% aos consumidores da capital

Ação busca conscientizar população sobre o impacto negativo das tributações em relação aos produtos comercializados

Augusto Araújo -
Comércio na região da Rua 44, em Goiânia. (Foto: Reprodução/Empreender em Goiás).

Na próxima quinta-feira (02), os lojistas da capital goiana irão promover a 16ª edição do Dia Livre de Impostos (DLI), com descontos que podem chegar a até 70% para os consumidores.

A ação, promovida pela Câmara de Dirigentes Lojistas de Goiânia (CDL Jovem de Goiânia), busca conscientizar a população e o setor varejista sobre o impacto negativo das tributações em relação aos produtos comercializados.

“É um efeito cascata, já que o imposto alto torna o produto mais caro, fazendo com que a população compre cada vez menos”, explicou Eberth Motta Júnior, presidente da CDL Jovem de Goiânia.

“Isso piora o desempenho das vendas no varejo que, por sua vez, investe menos na contratação de trabalhadores”, complementou.

Sendo assim, na data em questão, os lojistas participantes vão comercializar mercadorias e serviços sem repassar o valor da tributação aos clientes.

Casa de carnes, quiosque de milkshake, óticas, lojas de colchões e móveis, restaurantes e shopping são alguns ramos de empresas que já confirmaram que irão contribuir no DLI em Goiânia.

Uma concessionária da capital também confirmou que vai vender uma moto sem impostos e quem for sorteado poderá adquirir o veículo.

É possível checar quais estabelecimentos irão participar do movimento através do site oficial do Dia Livre de Impostos.

Conforme dados repassados pela CDL Goiânia, a população goiana já teria pago mais de R$ 20,9 bilhões em tributos em 2022, contabilizando até o início do mês de maio.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.