Taxista encontra homem morto e com sinais de violência no meio da rua

Vítima foi identificada pelos policiais após esposa ligar no celular dele

Da Redação -
IML foi acionado para recolher o corpo da vítima. (Foto: Reprodução)

Um homem identificado como Agnaldo Alves de Almeida foi encontrado morto na manhã deste sábado (11), na Avenida Marginal Leste, no Residencial Brisas do Cerrado, em Goiânia.

A Polícia Militar (PM) foi acionada por um taxista, que viu o corpo estirado na rua, por volta das 6h30.

A vítima estava caída no chão e ensanguentada. Nas costas, havia quatro perfurações, possivelmente causadas por disparos de arma de fogo.

Enquanto os agentes atendiam a ocorrência, a esposa do homem ligou no telefone celular dele. Os militares atenderam e ela confirmou o nome do marido.

A companheira da vítima informou ainda que Agnaldo saiu de casa às 5h e relatou que ele mantinha diálogo frequente com um amigo apelidado de “Olho Verde”. Porém, a mulher não atestou se era com ele que o esposo estava.

Uma testemunha relatou que um vigilante de um condomínio que fica nas proximidades esteve no local e, logo depois, ela ouviu tiros.

A Delegação de Investigações de Homicídios (DIH) foi à cena do crime e vai apurar o caso. O que se sabe até o momento é que há câmeras de segurança que podem auxiliar a Polícia Civil.

O Corpo de Bombeiros foi chamado, mas só pôde constatar o óbito. O Instituto Médico Legal (IML) retirou a vítima.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade