Ana Maria Braga se manifesta sobre estupro de grávida sedada em cesárea: ‘Estarrecedor’

Ela ainda disse que não considera Bezerra como médico e refletiu sobre os "absurdos que já foram cometidos contra o ser humano que a gente não sabe"

Folhapress -
(Foto: Karime Xavier/Folhapress)

A apresentadora Ana Maria Braga, 73, abriu o programa Mais Você (Globo), na manhã desta terça-feira (12), comentando o caso de Giovanni Quintella Bezerra, médico anestesista, preso em flagrante pelo estupro de uma paciente dopada que passava por uma cesárea no Hospital da Mulher Heloneida Studart, no Rio de Janeiro.

“Não posso deixar de manifestar minha indignação com esse caso. Eu não tinha entendido direito, tamanho o absurdo. Estupro dentro do centro cirúrgico durante o parto?”, começou Ana Maria. Ela explicou que a investigação contra o anestesista terá andamento nesta terça (12) e ouvirá outras testemunhas do caso, como a delegada Bárbara Lomba explicou no programa Encontro.

“Essa investigação irá apontar se Giovanni Bezerra cometeu outros estupros. Tem alguns espécimes humanos que não deram certo, um animal não faria isso. Casos como esses fazem a gente agradecer a essa tecnologia que permite que verdades, muitas vezes escabrosas, venham a público”, completou.

Ana Maria ainda disse que não considera Bezerra como médico e refletiu sobre os “absurdos que já foram cometidos contra o ser humano que a gente não sabe. Seja mulher ou homem… A mulher é mais vulnerável nessa área”.

“É estarrecedor. Vamos acompanhando o decorrer desse absurdo para ver se a Justiça tem poderes. Não tem como esse infeliz não ser seriamente punido”, completou a apresentadora. Na sequência, Ana Maria ainda protestou contra o preço do leite.

A apresentadora mostrou, ao vivo de um mercado em São Paulo, que um litro de leite integral está custando mais de R$ 7. Além disso, ela também decorou seu estúdio com uma garrafa de leite pintada de dourado. “Está valendo ouro”, disse.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.