“Você votaria no candidato Wilder Morais?”, pergunta voz em ligação em tom de propaganda eleitoral

Estratégia, segundo um cientista político consultado pelo grupo do pré-candidato, é tentar fortalecer o elo entre o ex-senador e Bolsonaro

Yago Sales -
Wilder Morais, Bolsonaro e Vitor Hugo. (Foto: Reprodução)

Está circulando em Goiás uma pesquisa eleitoral com cara de propaganda por telefone, o famoso telemarketing. Na gravação, a voz mecanizada começa com os pré-candidatos à Presidência, oferecendo apenas duas opções: o atual mandatário Jair Bolsonaro (PL) e o ex-presidente Lula (PT). 

Quando chega no cargo de senador, o tom e o tempo verbal mudam e o primeiro nome oferecido é o de Wilder Morais (PL), aliado de Bolsonaro e do pré-candidato ao Governo de Goiás, o deputado federal Vitor Hugo.

 “Você votaria no candidato Wilder Morais? Conhece o candidato Wilder?”, pergunta. “Se você não votar no Wilder, em qual outro votaria?”, segue a gravação. Outra afirmação que chama a atenção é que a gravação anuncia que Wilder é o candidato do presidente Jair Bolsonaro.

A estratégia, segundo um cientista político consultado pelo grupo do pré-candidato, é tentar fortalecer o elo entre o ex-senador e o atual presidente. 

A assessoria de imprensa de Wilder confirmou a pesquisa e, ao ser perguntada sobre quando será divulgada, respondeu: “Fazemos pesquisas todos os dias. Não para publicar”. Não respondeu qual empresa foi contratada para aplicar o questionário.

LUGAR SOB O SOL

Pré-candidato a deputado estadual pelo Brasil 35 (antigo Partido da Mulher Brasileira), Tayrone Di Martino se dedica ao eleitorado ligado à Igreja Católica e, à espera de apoio de deputados federais, deve intensificar agenda pelo interior goiano. 

Di Martino foi porta-voz do ex-prefeito Paulo Garcia do PT, partido que o levou a ter mandato na Câmara de Vereadores de Goiânia.

Rompido com Paulo Garcia,  se filiou ao PSDB e se tornou um dos homens mais poderosos do 1° escalão de Marconi Perillo ao assumir a Secretaria de Governo. “Não tenho dinheiro, mas muita força de vontade”, disse ele à seção Rápidas do Portal 6.

EM DÚVIDA

Já a mulher de Tayrone, Thalita Di Martino, que recentemente deixou a presidência estadual do PROS, titubeia sobre candidatura pela sigla.

APOIO À VERDADE

O Conselho Nacional de Procuradores Gerais do Ministério Público dos Estados e da União (CNPG) se manifestou contrária às mentiras do presidente Jair Bolsonaro (PL) sobre as urnas eletrônicas. 

Por meio de nota, o órgão afirma que confia no sistema eletrônico de votação. No documento, a entidade reitera o firme compromisso de todos os procuradores e promotores com as eleições livres, justas e pacíficas.

 CARAVANA

O pré-candidato ao Governo, Gustavo Mendanha (Patriota), já acertou agenda no Sudoeste goiano entre quinta e sexta-feira. Ele vai percorrer os municípios de Morrinhos, Goiatuba, Jataí e Mineiros.

NA ESTRADA

O governador Ronaldo Caiado visita nesta quinta-feira (21) Cabeceiras e Nova Crixás. A agenda prevê a vistoria do mandatário a obras do Governo de Goiás em rodovias.

UGOPOCI NEGA APOIO

“A União Goiana dos Policiais Civis (Ugopoci) vem por meio desta nota de esclarecimento informar sobre uma notícia equivocada postada na terça-feira (19) pelo Portal 6 na seção Rápidas, onde constava que a Entidade declarou apoio ao pré-candidato, Gustavo Mendanha.

Ao contrário do que foi informado, a Ugopoci não firmou apoio a nenhum pré-candidato.O que na verdade ocorreu na data da reunião (18) foi uma visita cordial com os pré-candidatos presentes, assim como vem ocorrendo com outros nomes do cenário político. Estes encontros estão sendo realizados juntamente com as demais entidades classistas da Polícia Civil.” Fica o registro.

NOTA DEZ

Para a iniciativa do Hospital Hospital Estadual Alberto Rassi, o HGG, por ter levado alguns dos principais escritores da literatura contemporânea produzida em Goiás aos pacientes.

Lançaram livros por lá as poetisas Dairan Lima e Lêda Selma e o competentíssimo repórter e escritor Henrique Ramos. Além da palestra, os escribas distribuíram autógrafos. 

NOTA ZERO

Para a Prefeitura de Aparecida de Goiânia (não apenas à gestão de Vilmar Mariano, mas ao menos às últimas quatro), que não dão satisfações aos moradores divididos por uma erosão na Alameda dos Cisnes, no Setor Parque Floresta. O buraco separa, há quase duas décadas, vários bairros. Para frequentarem o Colégio Telma Vieira de Sales, no American Park, estudantes do Parque Floresta e Morada dos Pássaros dão uma volta de quase 3 km. Fora o mato alto.

Para ler todas as notas, clique aquiSiga a Rápidas no Twitter e fique por dentro de todas as novidades!

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.