PublicidadePublicidade

Casal de empresários que morreu de Covid no mesmo dia teve saqueada

Avatar Danilo Boaventura -
PublicidadePublicidade

Estes últimos dias têm sido de muito sofrimento para a família de José Carlos de Abreu Cartaxo, de 36 anos e Lívia Gonçalves de Abreu, de 35, que faleceram na segunda-feira (22), vítimas da Covid-19 e ainda tiveram todos os bens furtado dentro de casa.

É que o casal estava internado no Hospital Regional de Cajazeiras, no interior da Paraíba, há alguns dias. Entretanto, no início desta semana, chegou a notícia à família da morte dos empresários, que faleceram com diferença de apenas 20 minutos um do outro.

A família em luto precisou lidar com questões dos funerais, e ao chegar na casa do casal perceberam que as portas haviam sido arrombadas e que vários móveis não estavam mais lá.

PublicidadePublicidade

Cristiano Abreu, irmão de José Carlos, em entrevista ao Correio Braziliense, contou que o espaço estava depredado e pouca coisa tinha restado.

Os autores do crime levaram os aparelhos de som que a vítima colecionava, televisões e até mesmo as imagens das câmeras de segurança da residência.

O irmão de José lamentou nas redes sociais que, além de deixarem duas filhas adolescentes órfãs, perderam os únicos bens que lhes restavam.

“Hoje fomos na casa deles e nos deparamos com a situação lá, levaram o paredão de som. Além dele ter perdido a vida dele, perdeu o que deixou para as filhas dele. Era o único bem que deixaram para as filhas. Ele trabalhou muito para isso”, lamentou.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade