Portal 6

França vence Croácia na final e leva bicampeonato na Copa da Rússia

(Foto: Divulgação/Fifa)

Mbappe, Pogba e Griezmann lideraram time que conquistou o segundo título mundial francês da história

A França fez jus ao favoritismo e se consagrou campeã mundial de 2018. Com destaque para as jogadas de bola parada, o time do técnico Didier Deschamps foi mais eficiente que a seleção croata e conquistou o título mais importante do futebol mundial.

Mandzukic (contra) e Griezmann, na etapa inicial, marcaram para a França. No segundo tempo, foi a vez de Pogba e Mbappe, em mais uma excelente atuação, ampliarem o marcador. Perisic e Mandzukic descontaram para a Croácia.

Antes do resultado de hoje, a França já tinha feito história conseguindo sua terceira final em 6 copas do mundo. Além disso, a seleção garantiu também a sua segunda conquista em 20 anos. Com o feito, os franceses se igualaram a Uruguai e Argentina no seleto clube dos bicampeões de mundiais.

O jogo

A Croácia até começou melhor a partida, tomando conta das ações do jogo e pressionando o adversário, mas sem muita efetividade. Aos 17 minutos, em um lance de sorte do time Francês, Mandzukic mandou contra o próprio gol e colocou a seleção campeã na frente.

O gol não abalou os croatas, e aos 27, Modric cruzou para a área na ponta direita, e Vrsaljko escorou para o meio. Mandzukic brigou no alto com Pogba, e Rebic também desviou. Vida pegou a bola e escorou para Ivan Perisic, que limpou Kanté e soltou uma bomba com pé esquerdo.
Com o placar empatado, foi a vez do árbitro de vídeo entrar em ação, em jogada de pênalti para a França. Após consultar o VAR, o juiz da partida marcou a penalidade que Griezmann concluiu em gol.
Aos 13 do segundo tempo, Mbappé foi à linha de fundo e cruzou para Griezmann, que segurou a bola e rolou para Pogba marcar o terceiro.
Aos 19, Hernández fez bela jogada pela esquerda e tocou no meio para Mbappé marcar o quarto. Vitória sacramentada da geração talentosa francesa.
A Croácia ainda diminuiu aos 23 minutos, em falha bisonha do goleiro francês. Mas não foi o suficiente para a equipe reagir. Restou a França segurar o placar e esperar o apito final para se consagrar bicampeã mundial de futebol.

Quer comentar?

Comentários




Nosso Twitter



Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.