Comoção após morte por afogamento de ‘mini pastor’ na zona rural de Anápolis

Guarnição Náutica do Corpo de Bombeiros foi acionada, porém, o garotinho foi retirado das águas já sem vida

Da Redação -
Atualizado às 17h04

Está sendo velado neste domingo (05), na Igreja Tabernáculo da Fé, no bairro Alexandrina, o adolescente Samuel Prado, de apenas 13 anos, que ontem (04) morreu afogado no Rio Padre Souza, na região rural de Anápolis.

O corpo dele foi localizado pela Guarnição Náutica dos Bombeiros por volta das 15h40. Mais cedo, o adolescente nadava com um primo quando afundou e desapareceu.

O Corpo de Bombeiros foi acionado, porém, o garotinho foi retirado das águas já sem vida.

PublicidadePublicidade

Comoção

Mesmo muito novo, Samuel era considerado um prodígio em sua comunidade cristã. Pregava e atuava como evangelista, sendo considerado por muitos um ‘mini pastor’. Eloquente, o rapaz impressionava pela vocação ministerial.

Nas redes sociais está sendo forte a comoção pela morte do adolescente e são várias as demonstrações de carinho pela memória dele.

A Igreja Tabernáculo da Fé transmitiu, ao vivo, um culto dominical em memória do garotinho.

“Até os treze anos de idade Samuel andou com Deus e Deus para Si o tomou”, disse o pastor Mauro Cardoso.

O sepultamento deve ocorrer nesta segunda-feira (06) após a chegada de familiares que vivem no exterior.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.