Portal 6

Grupo alega ter sofrido golpe de agência de viagens em Anápolis

Praça Americano do Brasil. (Foto: Claudiomir Gonçalves/ Anápolis na Rede)

Eles queriam ir para o Rio de Janeiro, mas não saíram da Praça Americano do Brasil

Foi registrado na Central de Flagrantes de Anápolis na terça-feira (1º) o caso de um grupo de seis pessoas que comprou um pacote para o Rio de Janeiro em uma agência de viagem e acabou perdendo todo o dinheiro investido.

Conforme o boletim de ocorrência, as vítimas conheceram o dono da empresa Turismo LD Tur, identificado como Jhonatan Daniel Alves, através de publicações que o mesmo fazia no Facebook divulgando excursões para diversas cidades turísticas.

O grupo então assinou um contrato de prestação de serviço em que Jhonathan se comprometeu a levar todos para as cidades de Arraial do Cabo e Cabo Frio, entre os dias 1º e 05 de janeiro.

Pelo documento, ficou firmado que um ônibus da Gurgel Turismo faria o transporte e que todos deviam esperar o veículo na Praça Americano do Brasil, no Centro da cidade.

O proprietário da empresa ainda chegou a criar um grupo no WhatsApp para falar sobre a viagem e recebia os valores dos contratos pessoalmente e por meio de uma conta bancária. Cada vítima pagou um valor diferente, sendo que o preço mais alto foi de R$750.

Dois dias antes da excursão, Jhonatan sumiu das redes sociais e deixou de atender as ligações. Mesmo assim, o grupo se deslocou com as malas até a praça no horário combinado, mas ninguém apareceu.

Ao telefonarem para a Pousada Dom Fernandes, local em que ficariam hospedados no Rio de Janeiro, descobriram que todas as reservas tinham sido canceladas.

Só após perceberem o golpe é que descobriram que outras pessoas também já teriam sido vítimas de Jhonatan em outra cidade.

A investigação do caso ficará sob a responsabilidade da Polícia Civil.

Quer comentar?

Comentários




Nosso Twitter



Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.