PublicidadePublicidade

A explicação de jovem para o atropelamento de idosa de 81 em Anápolis

Mesmo socorrida às pressas ela não resistiu aos ferimentos e faleceu no HUANA

Da Redação -

Adair Correia de Matos Júnior, de 26 anos, foi liberado na noite desta segunda-feira (29) na Central de Flagrantes após exame comprovar que ele não estava bêbado quando atropelou Erondina Martins Leão, de 81 anos, no final da tarde.

O acidente ocorreu na Avenida Raimundo Costa e Silva, no Residencial América, região Nordeste de Anápolis.

Sem habilitação, o jovem pilotava uma motoneta e disse que foi fechado por um carro e acabou passando por cima da idosa, que atravessava a via.

Adair teve escoriações pelo corpo e não quis ser atendido pelo Serviço Ambulatorial Móvel de Urgência (SAMU), pois preferiu esperar a Polícia Militar no local.

Erondina não resistiu aos ferimentos e teve a morte confirmada pelo Hospital Estadual de Urgências de Anápolis (HUANA).

O caso deve ser encaminhado à Delegacia Especializada em Investigações de Crimes de Trânsito (DICT).

PublicidadePublicidade

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade