Portal 6

PC de Anápolis investigará se idoso engravidou adolescente e obrigou aborto

Outras duas pessoas também teriam se envolvido no caso para ajudar na interrupção da gestação

Um caso complicado foi registrado na Central de Flagrantes de Anápolis nesta quarta-feira (03). Uma adolescente de 17 anos, do Jardim Flor de Liz, engravidou de um idoso e alega ter sido incentivada a fazer um aborto.

Consta no Boletim de Ocorrências que A.S.B estava há três anos com Miguel, de 65 anos, e descobriu a gravidez há três meses. No entanto, o idoso teria rejeitado a criança e feito um depósito de R$950 para que ela abortasse.

A adolescente afirma que o dinheiro foi recebido por Erisvan Santos Bispo. Juntos, eles encontraram Cássia Poliana Silva Gomes, que teria preparado uma ‘garrafada abortiva’. O serviço custaria R$300 antecipado e mais R$300 após a interrupção da gestação.

No entanto, A.S.B relatou ter desistido depois de tomar o primeiro copo do remédio e disse a Erisvan que não faria o restante do pagamento, pois queria os R$650 para ir embora para a cidade natal dela, no Pará, e pagar por uma tatuagem.

A Polícia Militar foi acionada depois que Erisvan teria estado na casa da garota para entregar apenas R$250. Aos agentes, ele negou todas as acusações e disse ter dado todo o dinheiro que tinha para a adolescente.

Com exceção de Miguel, que em nenhum momento foi localizado, todos foram encaminhados à Central de Flagrantes. Como Erisvan e Cássia declaram não saber de nada e A.B.S não possui provas dos fatos, a dupla foi ouvida e liberada.  O caso será investigado pela Polícia Civil.

Quer comentar?

Comentários

Arraiana 2019

Nosso Twitter

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.