PublicidadePublicidade

Idosa de Anápolis queria levar adolescente para o mau caminho e a polícia descobriu

Ela já havia sido presa por motivo semelhante em abril, mas surpreendentemente estava em liberdade

Da Redação -

Dona Wera Lúcia da Silva Peixoto já se tornou uma velha conhecida do Grupo Especial de Repressão à Narcóticos (Genarc) de Anápolis.

Na noite desta quarta-feira (17), a idosa foi novamente presa pelos agentes na Vila João Luiz de Oliveira, na região Central da cidade.

E o motivo foi o mesmo: a comercialização de pedras de crack na pracinha do pequeno bairro. Desta vez, no entanto, ela utilizava-se de uma adolescente, de 14 anos, como forma de despistar os agentes.

PublicidadePublicidade

Segundo a Polícia Civil (PC), Dona Wera guardava a droga na própria residência e a garota era incumbida de fazer as entregas para a clientela.

Conduzida até à Central de Flagrantes, a senhora foi novamente autuada e se complicará ainda mais com a Justiça.

Relembre

Em abril deste ano, Dona Wera foi pega pela Genarc com um total de 74 pedras de craque e conseguiu responder o processo em liberdade.

https://portal6.com.br/2019/04/01/descoberta-a-razao-dessa-idosa-ser-frequentadora-assidua-de-pracinha-em-anapolis/

PublicidadePublicidade

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade