PublicidadePublicidade

“Apropriação indevida” de dinheiro da Coca-Cola em Anápolis termina em agressão

Episódio já foi registrado na Polícia Civil, que já designou investigação para o caso

Da Redação -
Atualizado às 14h02 com mais informações

O 1º DP de Anápolis investigará um caso de agressão envolvendo um funcionário e um ex-colaborador da Coca-Cola, maior fabricante de refrigerantes do mundo.

Conforme o Boletim de Ocorrências registrado na Polícia Civil nesta segunda-feira (22), o desentendimento entre Antônio Jorge dos Reis Calcado, de 27 anos, e Danilo de Lima e Silva, de 32 anos, teria começado em uma audiência trabalhista feita para tratar sobre uma possível “apropriação indevida” de um dinheiro da empresa.

A audiência teria ocorrido dentro da normalidade, porém, os ânimos se afloraram entre ambos do lado de fora.

PublicidadePublicidade

Danilo teria empurrado Antônio contra a parede e dito que “vou acertar as contas contigo. Sei onde você mora. Não vai continuar com essa palhaçada”.

Outras ameaças do mesmo tipo, conforme a vítima, também teriam sido feitas anteriormente em áudio no Whatsapp pelo mesmo agressor.

Outro lado

Em contato com a reportagem do Portal 6, Danilo de Lima disse que participou da audiência trabalhista apenas como testemunha, reconhece que empurrou Antônio Jorge, mas que ‘em momento algum o ameaçou’.

O ex-funcionário da Coca-Cola também disse que não deve nada à empresa. O montante de R$ 596,04, referente a um recebimento errado, foi devidamente descontado na rescisão.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade