PublicidadePublicidade

Final de semana tem espetáculo de circo gratuito e ao ar livre no Parque Ipiranga

Malabarismo, ilusionismo, acrobacia e muita bobagem está prevista no picadeiro, que é livre para todos os públicos

Denilson Boaventura -

Desde 02 de setembro a Cia Circunstância, de Belo Horizonte (MG), está hospedada na residência da grupo Boca de Lixo, em Anápolis, para conhecer o modo de trabalho e a organização da família de artistas locais.

“Vamos trocar processos de criação, técnicas e também colher depoimentos, entendendo como produzem, como sobrevivem e como divulgam sua arte no mundo, construindo assim, novas possibilidades para o espetáculo”, explica o palhaço Diogo Dias da Cia Circunstância.

E no próximo domingo (08) o Parque Ipiranga, no Bairro Jundiaí, será transformado em picadeiro. A partir das 16h30 terá apresentação gratuita e livre para todos os públicos da roda de palhaços da Cia Circunstância.

Inspirada na configuração das novas famílias contemporâneas, a roda traz para a cena, de forma bem-humorada e cheia de trapalhadas, um show de variedades com a família dos palhaços Tica-tica do Fuba (Dagmar Bedê), Alegria Também (Diogo Dias) e Pirueta Ravioli (Ravi Dias Bedê).

O trio monta um pequeno circo a céu aberto e o improviso dita a cena que traz, ao público de Anápolis, números de malabarismo, ilusionismo, acrobacia e muita bobagem. Destaque para participação em cena do grupo local Boca de Lixo formado pelos brincantes Amanda Ricoldi, José Clodoaldo (Zeck) e Benjamin (palhaço Marelo).

Em tempo

Segundo Dagmar Bedê, artista da Cia Circunstância, essa roda de palhaços apresentada em Anápolis faz parte de um projeto maior chamado Circo de Família, que nasce do desejo de pesquisar e mostrar ao público a vida de uma família contemporânea de circo, com todo seu amor e sua dor.

“Em tempos sombrios, mesmo em meio a palhaçadas e muita risada, os palhaços trazem a mensagem que família na verdade é quem a gente ama, não importa quem, afinal toda forma de amor vale a pena. Um brinde ao amor, a arte e a palhaçaria”, explica a palhaça.

Com patrocínio do Instituto Unimed-BH, por meio dos recursos da Lei Municipal de Incentivo à Cultura de Belo Horizonte, a Cia Circunstância também vai realizar a pesquisa por meio de intercâmbios artísticos com a família de circo Cia 1 Pede 2, de Campinas (SP).

A trupe desembarca para o interior paulista neste semestre, após deixar Anápolis, e os experimentos surgidos das pesquisas nas duas cidades resultarão em espetáculo que estreia em Belo Horizonte (MG) ainda em novembro deste ano.

PublicidadePublicidade

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade