PublicidadePublicidade

Homem morre em Anápolis e detalhe faz médico ligar às pressas para polícia

Laudo do IML será essencial para apontar o que realmente aconteceu

Da Redação -

Um homem de 36 anos, identificado apenas como J.R.C, morreu na noite desta quarta-feira (12) após dar entrada na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Vila Esperança, região Sudeste de Anápolis.

Consta no Boletim de Ocorrência, registrado pela irmã da vítima na Central de Flagrantes, que ele estava em uma fazenda do município de Abadiânia quando passou mal e foi imediatamente socorrido por familiares e encaminhado para a UPA.

Assim que chegou no local, J.R.C sofreu uma parada cardíaca e não resistiu. A causa da morte foi confirmada pelo médico que realizou o atendimento e o IML teve de ser acionado para fazer a remoção do corpo.

No entanto, cerca de uma hora após o registro da morte natural na delegacia, um médico legista entrou em contato com a Polícia Civil e afirmou ter encontrado lesões pelo corpo do homem, causadas por ações contundentes ainda não especificadas.

Por isso, a polícia técnico-cientifica teve de solicitar um exame cadavérico para esclarecer o que provocou exatamente o óbito.

PublicidadePublicidade

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade