Portal 6

Preso em Anápolis, homem queria matar família e incendiar casa com sogro acamado

(Foto: Reprodução)

Ele já teria até pego o salário do idoso para gastar com bebidas alcoólicas

A Polícia Militar (PM) precisou se deslocar até a Avenida Brasil, no setor Vila Rica, em Anápolis, nesta quarta-feira (20), para prender um homem de 51 anos que ameaçou incendiar toda a família dentro da casa em que mora.

Consta nos registros policiais que foi uma adolescente, enteada do suspeito, quem acionou a viatura, pois já não aguentava mais a situação e estava com medo que o pior acontecesse.

Quando chegaram no endereço, a garota contou aos agentes que o padrasto apareceu bêbado e passou toda a noite incomodando, ameaçando os familiares com uma faca e não permitindo que os avós dela, donos da casa, descansassem.

O homem chegou a dormir por duas horas, mas acordou e começou dizer que atearia fogo na residência com os dois idosos. Ele fugiu quando soube que a enteada havia chamado a corporação.

Os policiais fizeram um patrulhamento nas redondezas da casa, mas não encontraram o suspeito. No entanto, cerca de 45 minutos depois, receberam outra ligação da garota, alegando que ele havia voltado.

A equipe então retornou e entrou na casa, onde encontrou A. P. C. e deu a voz de prisão.

Na delegacia, a dona da casa, uma idosa de 74 anos, contou que o marido é acamado e, por isso, a filha dela não trabalha fora para cuidar dele e mora no local com o genro e a neta.

As ameaças do genro teriam começado em março e ele já teria até pego o salário do sogro doente para ingerir bebidas alcoólicas.

O caso foi registrado como ameaça na Lei Maria da Penha e será investigado pela Polícia Civil.

Quer comentar?

Comentários

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.