Portal 6

Dívida milionária resultou no sequestro da mãe de empresário em Anápolis

Idosa, juntamente com ex-cunhada, foram levadas para cativeiro em fazenda no interior de Minas Gerais

O comando da Polícia Civil de Goiás, por meio do Departamento Estadual de Investigações Criminais (DEIC), deve dar mais detalhes do sumiço de duas mulheres que foram sequestradas na manhã do último sábado (30) em Anápolis.

Já foi adiantado pela investigação que as vítimas são a mãe e uma ex-cunhada de um empresário da cidade, que tem uma dívida de R$ 9 milhões com um dos sequestradores. O sequestro das duas, que têm 68 e 31 anos, respectivamente, teria sido uma forma de pressionar o pagamento.

O primeiro cativeiro descoberto pelos agentes da DEIC está localizado em Águas Lindas, no entorno do Distrito Federal. O local, no entanto, já havia sido desocupado pelos sequestradores, mas foram encontrados colchão, mantimentos, abraçadeiras de nylon e medicamento para sedação.

A descoberta do cativeiro se deu com o rastreamento de um dos veículos dos sequestradores, que passou por Brasília e parou em uma fazenda localizada no município de Cabeceira Grande, em Minas Gerais.

A propriedade foi invadida pela Polícia Civil e as vítimas resgatadas com sucesso e entregues aos familiares na manhã deste domingo (1º).

Os bandidos, porém, conseguiram fugir pela mata e até o momento não foram encontrados.

Nesta segunda-feira (02), ocorrerá em Goiânia uma coletiva de imprensa com o delegado responsável pelo caso.

Quer comentar?

Comentários

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.