Portal 6

Mudança importante foi notada na Operação Direção Consciente

(Foto: Divulgação)

No entanto, sete pessoas foram presas em flagrante porque arriscaram a própria vida e a de outros no trânsito

Um carreteiro de 37 anos foi preso na madrugada deste sábado (15) após passar por policiais civis em alta velocidade no bairro Jundiaí Industrial, entre as regiões Central e Leste de Anápolis.

Alcançado na altura da Avenida JK, ele desceu do veículo e foi submetido ao teste do bafômetro, que atestou teor alcoólico acima do legalmente permitido.

O motorista, que alegou ter bebido em uma casa noturna da cidade, foi reincidente.

No último dia 02 de fevereiro, ele havia sido preso pelo menos motivo e chegou a agredir fisicamente os policiais militares.

Dessa vez, segundo o delegado Manoel Vanderic, titular da Delegacia Especializada em Investigação de Crimes de Trânsito de Goiânia (DICT) de Anápolis, o homem não pagou fiança e “vai diretamente para o presídio”.

Além desse carreteiro, outras seis pessoas, das 35 paradas pela operação, também foram presas por dirigir sob o estado de embriaguez.

Mudança de hábito

“Apesar da alta estatística, a Polícia Civil observa mudanças positivas no trânsito, com a utilização progressiva de transportes alternativos nas noites e madrugadas”, destaca o delegado.

Outro caráter positivo da força tarefa que Manoel Vanderic também ressalta  é “o fato de que as abordagens também fiscalizam a presença de drogas, armas e verifica eventuais mandados de prisão sem cumprimento, auxiliando na prevenção de crimes de outras naturezas”.

Quer comentar?

Comentários






Nosso Twitter

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.