PublicidadePublicidade

Mudança importante foi notada na Operação Direção Consciente

No entanto, sete pessoas foram presas em flagrante porque arriscaram a própria vida e a de outros no trânsito

Da Redação -

Um carreteiro de 37 anos foi preso na madrugada deste sábado (15) após passar por policiais civis em alta velocidade no bairro Jundiaí Industrial, entre as regiões Central e Leste de Anápolis.

Alcançado na altura da Avenida JK, ele desceu do veículo e foi submetido ao teste do bafômetro, que atestou teor alcoólico acima do legalmente permitido.

O motorista, que alegou ter bebido em uma casa noturna da cidade, foi reincidente.

PublicidadePublicidade

No último dia 02 de fevereiro, ele havia sido preso pelo menos motivo e chegou a agredir fisicamente os policiais militares.

Dessa vez, segundo o delegado Manoel Vanderic, titular da Delegacia Especializada em Investigação de Crimes de Trânsito de Goiânia (DICT) de Anápolis, o homem não pagou fiança e “vai diretamente para o presídio”.

Além desse carreteiro, outras seis pessoas, das 35 paradas pela operação, também foram presas por dirigir sob o estado de embriaguez.

Mudança de hábito

“Apesar da alta estatística, a Polícia Civil observa mudanças positivas no trânsito, com a utilização progressiva de transportes alternativos nas noites e madrugadas”, destaca o delegado.

Outro caráter positivo da força tarefa que Manoel Vanderic também ressalta  é “o fato de que as abordagens também fiscalizam a presença de drogas, armas e verifica eventuais mandados de prisão sem cumprimento, auxiliando na prevenção de crimes de outras naturezas”.

PublicidadePublicidade

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade