Portal 6

Peladão na madrugada, haitiano deu trabalho para ser preso em Anápolis

Crime mais grave cometido por ele foi descoberto após a abordagem policial

Joel Petit Jeúne, de 40 anos, foi preso em na madrugada deste sábado (15) após ser flagrado andando nu pela Avenida Jamel Cecílio, na altura do JK Nova Capital, bairro da região Leste de Anápolis.

Talvez desconhecendo que no Brasil é crime se apresentar em locais públicos como se veio ao mundo, Joel achou ruim a abordagem dos policiais militares e resistiu à detenção com muita agressividade.

Também foi descoberto que horas antes ele havia destruído a casa em que vive colocando fogo em uma garrafinha de álcool em gel.

Por tudo isso, ele foi autuado pelos crimes de atentado ao pudor, resistência e lesão corporal.

A destinação final dele deverá o Centro de Inserção Social Monsenhor Luiz Ilc, a cadeia pública de Anápolis.

Quer comentar?

Comentários






Nosso Twitter

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.