Portal 6

Cloroquina some das farmácias de Anápolis e prejudica quem depende do medicamento

Preço do remédio, que não tem eficácia comprovada contra o novo coronavírus, também disparou

Remédio cuja eficácia para o tratamento de Covid-19 ainda não foi cientificamente comprovada, a cloroquina já está em falta nas farmácias e drogarias de Anápolis.

Durante a tarde desta quarta-feira (25) o Portal 6, sem se identificar, consultou as principais redes de medicamentos da cidade e constatou que apenas uma delas ainda vendia o polêmico produto.

A ausência do remédio prejudica diretamente pessoas que fazem tratamento contra doenças como lúpus (doença inflamatória que atinge diversas partes do corpo), artrite reumatoide e malária.

A procura pela cloroquina também fez com que o preço dela ultrapassasse o valor de R$ 70, verificado em uma drogaria do Centro, que só venderia a unidade que restou com a devida apresentação de receita.

Em situações normais, conforme relatado por farmacêuticos à reportagem, o medicamento não chegava a R$ 35 nos estabelecimentos anapolinos.

Cabe lembrar que a autorização de uso da cloroquina dada pelo Ministério da Saúde nesta quarta-feira (25) vale apenas para o tratamento de pacientes em estado grave infectados pelo novo coronavírus.

Em coletiva de imprensa, Luiz Henrique Mandetta, titular da pasta, esclareceu que o medicamento deve ser utilizado somente dentro de hospitais e sob supervisão médica.

O Ministério da Saúde orienta que todos aqueles que compraram a cloroquina sem indicação médica façam a  entrega ao caixa ao farmacêutico, hospital ou posto de saúde mais próximo.

Quer comentar?

Comentários






Nosso Twitter

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.