Portal 6

Noite de lives: DICT flagra tumultos e muitos motoristas bêbados em Anápolis

(Foto: Divulgação)

Segundo Manoel Vanderic, as prisões teriam passado de 100 se não fosse a pandemia e o efetivo limitado

Foi finalizada por volta de 7h deste sábado (23) a operação Direção Consciente, da Delegacia Especializada em Investigação de Crimes de Trânsito (DICT) de Anápolis.

De acordo com o delegado Manoel Vanderic, titular da DICT e responsável pelas ações, desde o início da pandemia, esta foi a madrugada mais violenta no trânsito da cidade.

“A noite foi bem mais agitada que semana passada. Flagramos muitas situações perigosas, como motoristas com teor alcoólico muito alto e dirigindo com criança de colo fora da cadeirinha e mulheres alcoolizadas dirigindo na contramão” relatou em entrevista ao jornalista Jonathan Cavalcante.

“Flagramos motoristas bêbados em todas as regiões. Nesta sexta tiveram muitas lives e, com o fechamento de bares e boates, as pessoas têm se aglomerado em casas para assistirem esses shows. Não usam máscaras e abandonam os locais completamente embriagados na direção dos veículos”, acrescentou.

Ao todo, mais de 20 condutores foram flagrados alcoolizados e deverão pagar multa de R$ 3 mil. Para os reincidentes, esse valor chega a R$ 6 mil. Neste grupo, cinco pessoas foram presas porque ultrapassaram a tolerância criminal ou se recusaram a soprar o bafômetro.

“Por causa da pandemia não conseguimos formalizar mais prisões. Se o efetivo fosse suficiente e fosse mais ágil a formalização das prisões, com certeza passaria de 100 pessoas presas essa noite em razão do tumulto que foi o trânsito de Anápolis”, afirmou Vanderic.

Quer comentar?

Comentários