PublicidadePublicidade

Universitários goianos criam aparelho que pode eliminar o novo coronavírus pelo ar

R$ 350 seria o valor final estimado do dispositivo, avaliado e premiado por especialistas e profissionais

Da Redação Da Redação -

Um aparelho que usa a radiação ultravioleta para eliminar o novo coronavírus em ambientes fechados. A ideia foi de três estudantes goianos que venceram uma competição da Universidade Federal de Goiás (UFG).

O 1º  Ideathon IPE Lab – Soluções Inovadoras em Prototipagem para Saúde teve a final no último dia 08 de agosto e premiou Eduardo Silvestre Gonçalves, de 21 anos, estudante de enfermagem, o aluno de engenharia de controle e automação Thiago Teixeira, de 23, e a estudante de enfermagem Nathália Witkowski, de 27.

Os universitários ganharam R$ 5.000 e pretendem investir no protótipo, que foi avaliado por especialistas e profissionais da área. Eles querem regulamentá-lo juntos aos órgãos competentes e produzir em massa com um valor final estimado de R$ 350.

Com um metro de comprimento, o dispositivo possui um botão, que acionado suga o ar contaminado de ambientes fechados e filtra em um tubo.  Segundo os criadores também é possível descontaminar bactérias causadoras de tuberculose e até mesmo ácaros. Eles buscam patrocínio para o projeto.

(Foto: Divulgação)

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade