PublicidadePublicidade

Polícia Civil vai interrogar autuados por descumprir decreto em Anápolis, avisa Prefeitura

Denilson Boaventura Denilson Boaventura -
PublicidadePublicidade

Balanço divulgado pela Prefeitura de Anápolis mostra que entre sexta-feira passada (05) e hoje (12) mais de 740 ocorrências e 20 Termos Circunstanciados de Ocorrência (TCOs) relacionados ao descumprimento do decreto de lockdown foram registrados pela Polícia Militar (PM).

As regras valem até a madrugada de segunda-feira (15) e até lá a corporação seguirá nas ruas de todas as regioões e distritos junto com equipes da força-tarefa da Vigilância Sanitária, Postura, Procon, Companhia Municipal de Trânsito e Transportes (CMTT).

Segundo a Prefeitura de Anápolis, estabelecimentos dos mais diversos segmentos e pessoas físicas já foram autuados. “A Polícia Civil vai utilizar as informações da Vigilância para abrir processos no âmbito criminal, interrogando os envolvidos”, avisou.

PublicidadePublicidade

Alvo de queixas de usuários e constantes críticas, o transporte coletivo também está sendo fiscalizado. Para evitar o acúmulo excessivo de passageiros e aglomerações dentro dos ônibus, além da falta do uso de máscaras, uma equipe agora fica no Terminal Urbano.

“Nossas atividades estão alinhadas com as determinações do prefeito, que orientou o máximo de empenho para evitar riscos de contaminação”, explica Igor Lino, diretor de Transportes da CMTT. O técnico da autarquia garante que a Estação Central e os ônibus da Urban estão sendo sanitizados.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade