PublicidadePublicidade

‘História que mais lembro é termos prendido juntos várias pessoas que tentavam nos subornar’, diz colega de Igor de Aquino

Fabrício Rosa, um dos PRF's de maior projeção em Goiás, postou no Facebook um breve relato do tempo em que trabalharam juntos

Avatar Danilo Boaventura -
Igor de Aquino tinha 41 anos e estava na PRF desde 2005. (Foto: Reprodução/ Facebook)
PublicidadePublicidade

A morte de Igor de Aquino, de 41 anos, deixou toda a corporação da Polícia Rodoviária Federal (PRF) de Goiás abalada.

Mesmo sendo morador de Anápolis, o policial atuou em outras unidades operacionais do estado e atualmente estava lotado em Goiânia.

Ao longo desta terça-feira (04) vários colegas de Igor usaram as redes sociais para prestar condolências e comentar a postura dele como profissional.

PublicidadePublicidade

Fabrício Rosa, um dos PRF’s de maior projeção em Goiás, postou no Facebook um breve relato do tempo em que trabalharam juntos.

Ambos entraram na instituição em 2004 e desde então passaram pelas delegacias de Jataí e Goiânia.

“A história que mais lembro dele é o fato de termos prendido juntos várias pessoas que tentavam nos subornar”, escreveu.

Igor de Aquino estava de folga em casa, no Centro de Anápolis, quando por volta de 00h30 foi atingido por um disparo de arma de fogo efetuado pela namorada dele, de 29 anos. O disparo acertou fatalmente a testa do policial e ele morreu na hora.

Vizinhos se assustaram com o barulho e ouviram a moça chorando. Acionada, a Polícia Militar esteve no local e encontrou a jovem no corredor e Igor caído no chão da sala.

Portal 6 apurou que a companheira foi encaminhada à Central de Flagrantes e revelou que os dois tinham o costume de fazer brincadeiras com a pistola. Nesta noite, em especial, o policial teria tirado as munições e pedido para que a namorada apertasse o gatilho.

Essa versão ainda será apurada pelo Grupo de Investigação de Homicídios (GIH). A PRF também informou que está acompanhando o andamento do caso.

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade