PublicidadePublicidade

Advogada de Anápolis ganha o direito de realizar sonho de ser mãe com a esposa

Tudo precisava ser feito com urgência e, por isso, juiz tomou decisão inédita no Brasil

Rafaella Soares Rafaella Soares -
(Foto: Reprodução / Instagram)

Ex-candidata a vereadora de Anápolis, a advogada Mariane Stival, de 41 anos, e a esposa dela, Jordana Fonseca, de 27 anos, recorreram à Justiça para realizar o sonho de uma maternidade dupla.

Para ter o bebê, elas precisavam passar por um tratamento de Fertilização In Vitro (FIV), que pode ser feito pelo Sistema Único de Saúde (SUS), mas que tem uma grande fila de espera.

O procedimento, no entanto, tinha de ser feito em caráter de urgência porque, devido à idade, Mariane tinha apenas mais quatro óvulos que poderiam ser fecundados.

PublicidadePublicidade

Por isso, o juiz federal Alaôr Piacin tomou uma decisão inédita no Brasil e autorizou um saque do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS), de pouco mais de R$ 28 mil, para que elas tivessem preservado o direito de constituir uma família.

Apesar de reprodução assistida nem sempre ser um sucesso na primeira tentativa, Mariane e Jordana conseguiram custear todo o tratamento e ter um resultado positivo.

Jordana já está grávida de 30 semanas de um garotinho, que se chamará Giuseppe. Assim como as duas sonhavam, a fecundação foi feita com um óvulo de Mariane e de um doador anônimo internacional.

PublicidadePublicidade

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade