PublicidadePublicidade

Namorado de Isabella Freire presta depoimento e reforça que não sabia da continuidade da gravidez

Engenheiro foi ouvido na condição de testemunha e não como investigado

Rafaella Soares Rafaella Soares -
Grupo de Investigação de Homicídios, na sede da 3ª Delegacia Regional de Polícia Civil, em Anápolis. (Foto: Danilo Boaventura)

Namorado de Isabella Freire e apontado por ela como o pai do recém-nascido que foi jogado em um lote baldio do Residencial das Cerejeiras, na região Leste de Anápolis, o jovem Matheus Oliveira, de 22 anos, foi ouvido na manhã desta sexta-feira (14) pelo Grupo de Investigação de Homicídios (GIH).

O rapaz, que é engenheiro, chegou na Delegacia Regional da Polícia Civil por volta das 09h e saiu de lá pouco depois das 10h20.

O advogado dele, Adriano Gouveia, conversou por telefone com o Portal 6 e revelou que, durante o depoimento, o jovem apenas reafirmou que não sabia da continuidade da gestação da companheira, assim como ela já havia dito anteriormente.

PublicidadePublicidade

“Ele foi ouvido pela primeira vez hoje e na condição de testemunha. Como ela disse nas entrevistas que deu, ela ocultou o fato até dele. Ele não sabia. Até o fatídico dia, estava tudo bem. Ele não podia sequer imaginar que ela estivesse gravida”, disse a defesa.

De acordo com Adriano, Matheus está muito abalado com toda a situação porque, antes do ocorrido, ele estava bem com Isabella.

“Ele jamais podia imaginar que essa situação estava acontecendo. Estava levando uma vida normal de um jovem de 22 anos, trabalhador. E o que ela disse foi o que ele confirmou. Ele realmente não sabia da situação de gravidez e foi pego de surpresa, assim como todos foram pegos de surpresa”, afirmou.

O advogado preferiu não dar detalhes sobre o depoimento, alegando que isso poderia atrapalhar as investigações. No entanto, sustentou que Matheus está à disposição da Justiça a qualquer momento, desde que seja devidamente intimado.

Tudo sobre o que já se sabe sobre o caso Isabella Freire

PublicidadePublicidade

Você tem WhatsApp ou Telegram? É só entrar em um dos grupos do Portal 6 para receber, em primeira mão, nossas principais notícias e reportagens. Basta clicar aqui e escolher.

PublicidadePublicidade